sábado, 15 de dezembro de 2018
Nova Andradina - MS
Vostok

Dizendo ser “injustiçado” Nelson Cintra se apresenta ao meio dia na PF

Apesar do sentimento de injustiça o pecuarista acredita que a justiça irá prevalecer

10h:22min - 13 set 2018 Por JD1Notícias

O ex-diretor da Fundação de Turismo do estado Nelson Cintra, listado como um dos alvos da Operação Vostok da Polícia Federal (PF), declarou que irá se apresentar na sede da PF ao meio dia desta quinta-feira (13).

Ao JD1 Notícias Cintra disse que se sente injustiçado. “Sempre estive à disposição da Justiça, fui questionado pela Receita Federal onde apresentei todas as notas fiscais de venda. Que são muitas, pois há alguns anos tenho vendido quase só para a JBS, são uma média de quatro mil a cinco mil bois por ano. Tenho todos comprovantes de abate e declaração de imposto de renda. Acho uma agressão que estão fazendo comigo”.

Mas apesar do sentimento de injustiça, Cintra, que também é ex-prefeito de Porto Murtinho, diz que acredita que a justiça irá prevalecer.

Operação Vostok

A operação foi deflagrada na última quarta-feira (12) em todo o Mato Grosso do Sul a Polícia Federal investiga o envolvimento de autoridades do executivo estadual e pecuaristas de Mato Grosso do Sul em um suposto esquema de pagamento de propina à representantes da cúpula do Poder Executivo Estadual.

No caso de Cintra, o ex-diretor é listado como um dos envolvidos no fornecimento de notas fiscais frias para justificar saídas de valores do caixa da JBS.

 

Deixe seu comentário

Ver todas as notícias