Nova Andradina - MS Busca
Geral

Contra abusos nas BR’s de MS, PRF redobra fiscalização e começa operação amanhã

10:00 - 20 dez 2019 | Por Dourados News

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia às 0h deste sábado, dia 21 de dezembro, a Operação Natal 2019, se estendendo até a quarta-feira, dia 25. O objetivo é intensificar as ações de policiamento e fiscalização, prevenindo acidentes de trânsito e reduzindo a gravidade deles, além de aumentar a segurança nas rodovias federais em Mato Grosso do Sul e incrementar o combate à criminalidade.

Serão cinco dias de duração e como este é um dos feriados mais movimentados do ano, é esperado um aumento relevante do fluxo de veículos nas rodovias federais, fator que contribui para o aumento da violência no trânsito.

Haverá reforço no policiamento, principalmente nos locais e horários de maior intensidade do fluxo e incidência de acidentes graves.

A prevenção de acidentes está focada na ostensividade e em comandos para coibir a ingestão de álcool associado ao volante, as ultrapassagens indevidas e o não uso do cinto de segurança, principalmente entre os passageiros dos bancos traseiros.

Restrições de tráfego

Por medida de segurança, devido ao grande aumento no fluxo de veículos, a PRF restringirá o tráfego de bitrens, rodotrens, treminhões, cegonheiras carregadas e veículos com cargas excedentes, que necessitem de Autorização Especial de Trânsito (AET), somente em rodovias federais de pista simples.

A proibição ocorre apenas no dia 25 de dezembro, entre as 14h e 22h.

Dados Operação Natal 2018

Nos cinco dias de Operação em 2018, de 21 a 25 de dezembro, a Polícia Rodoviária Federal registrou 38 acidentes, 11 sendo graves. 60 pessoas ficaram feridas e uma foi a óbito.

Foram contabilizadas 426 infrações de ultrapassagens indevidas, sendo dessas, 382 praticadas em faixa dupla contínua. O não uso do cinto de segurança foi responsável por 288 infrações, sendo 184 pelos passageiros que não utilizavam o dispositivo de segurança e 56 por crianças não estarem no bebê conforto, cadeirinha ou assento de elevação.

Foram realizados 3.396 testes de etilômetro, 73 pessoas autuadas e 17 pessoas presas por embriaguez ao volante.